Compartilhando leituras…

Olá queridos!

Desculpem pelo sumiço! Os últimos dias foram intensos pra mim! Lancei um dos meus novos negócios (a Secret Bag Brasil) e tive meu tempo completamente tomado por isso! Mas, agora estou meio que de volta, para compartilhar alguns pensamentos bacanas com vocês!

Esse lindinho aí está me ajudando a construir a Secret Bag Brasil!

Esse lindinho aí está me ajudando a construir a Secret Bag Brasil!

E, pra voltar aos poucos, hoje vou indicar um livro que estou lendo, e que posso dizer  que vem mudando muito minha forma de ver/fazer negócios.

É oBusiness Model Generationum livro mais do que fantástico, que te faz repensar a forma de organização da sua empresa! Eu realmente indico!

Ele é extremamente visual, fato super bacana, porque não tem só texto, muitos parágrafos, e isso ajuda e muito quem acaba só tendo tempo pra ler à noite ou super tarde, quando já se está bem cansado!

Com ele, você aprende a fazer um Quadro de Modelo de Negócio que vai te dar uma visualização mais que ideal para seu empreendimento! Muito bom! Eu estou muito encantada!

Meu quadro branco já está todo rabiscadinho rs

O preço dele não é dos mais amigos, mas eu encontrei uma boa promoção no Extra.com e paguei R$54,00! Bom, né?

Super indicado, pessoal! Se joguem nessa leitura! Vale a pena!

 

Beijão! Adhara

 

6 Grandes razões porque você deve pedir demissão e seguir sua paixão

Gente, queria compartilhar com vocês esse excelente texto que vi no Blog Professores do Sucesso ainda pouco!

Fala muito sobre aquele momento muito difícil na vida de grande parte dos empreendedores em que eles devem escolher ou não se deixam seus empregos.

Claro que não vou ser leviana e dizer que “Ah, largue agora, tudo vai se ajeitar”.

Todos nós temos nossas obrigações e responsabilidades financeiras, e é quase impossível poder sair de um trabalho e parar de se preocupar com dinheiro.

Mas, de nada adianta ficar em um trabalho que não te traz felicidade alguma, e ainda por cima te impede de alcançar todos os seus objetivos!

Então, coloquem na balança esse seu momento e tomem uma decisão!

Eu tomei uma há pouco tempo, e posso dizer que só me arrependo de uma coisa: ter esperado tanto!

Seguem as dicas 🙂

Beijos!

6 Grandes razões porque você deve pedir demissão e seguir sua paixão

1)     Você vai se sentir realizado – quando você persegue sua paixão, você definitivamente irá encontrar realização no que você faz. Você terá satisfação enquanto estiver fazendo o que você sempre desejou fazer. Lembre-se, realização não é só no sentido monetário. Existem muitas pessoas que ganham salários muito altos e não encontram nenhuma realização pessoal. Isso simplesmente porque eles não estão vivendo suas paixões. Para ser bem sucedido, você deve tomar ação imediata com a única intensão de realizar sua paixão;

2)     Você sempre receberá surpresas agradáveis – ao tomar uma decisão firme de sair para o mundo externo ao seu emprego restrito, você jamais saberá o que espera por você. Mas a boa notícia é que esta ação abre inúmeras possibilidades, algumas que talvez nem mesmo tenha pensando que existissem. Você chegará a lugares que jamais imaginou que poderia. Você também encontrará pessoas que estarão querendo te receber e ajudar enquanto persegue sua paixão. Não é jamais tão ruim quanto parece. Mas você jamais poderá receber as surpresas que te esperam se você não se arriscar;

3)     Construir seu próprio império – quando você está empregado, a maioria de seu tempo e energia vai para construir a fortuna de alguma outra pessoa. O que você recebe em troca é apenas um salário. Isso não é o que você deseja se quer se bem sucedido. Você precisa construir seu próprio império. Mas não pode conquistar isso quando você dedica o melhor de seu tempo e energia aos desejos econômicos de outra pessoa. Por causa do emprego você perde muitas oportunidades de construir seu próprio sucesso pessoal. Existem muitas opções a serem exploradas se você dedicar a maior parte de seu tempo e energia para isso. Seus pensamentos serão mais focados quando você estiver pensando em realizar sua paixão. Mas seu trabalho pode ser o empecilho evitando que você faça essa grande mudança para a liberdade e sucesso;

4)     Você não vai estar vulnerável – quando você tem um emprego, você espera trabalhar tranquilo até a aposentadoria. Não é isso que acontece hoje em dia. Enquanto ter um emprego é bom, no atual estado da economia, não é possível ter a segurança da estabilidade do emprego. A maioria dos empregados está agora a mercê da economia e de seus empregadores. Eles estão cada vez mais vulneráveis. Mas ao seguir sua paixão, você estará no controle de você mesmo. E com o controle você terá segurança e paz de espírito;

5)     Você terá mais poderes – para poder ser bem sucedido você precisa de mais poderes. Isso pode não ser possível se você permanecer no trabalho atual. Ter mais poderes significa que você deve criar sua própria realidade usando o imenso potencial dentro você. Ao demitir-se e seguir sua paixão, você será capaz de acabar com a monotonia de seu emprego atual e criar sua própria realidade. Assumir o controle de sua própria vida é uma imensa forma de conseguir mais poderes;

6)     Você será uma grande pessoa um dia – sucesso não acontece de um dia para o outro. A maioria das histórias das pessoas com sucesso pessoal fala de pessoas que trabalharam duro meticulosamente desde um começo humilde sem jamais desistir ou olhar para trás. Você não precisa se comprar com outros que conquistaram o sucesso no campo de sua paixão em particular. Eles provavelmente não se compararam com aqueles que conquistaram o sucesso antes deles. Você precisam apenas dar pequenos passos de crença e confiança e eles os levarão a sua grandiosidade. Eventualmente, você perceberá que foi mais fácil do que imaginava quando começou.

Você não é um empreendedor só porque não gosta do seu chefe.

Oi gente!

Hoje, temos mais um post! Esse vai ser bem sincero e bem verdadeiro!

Você não é um empreendedor só porque não gosta do seu chefe.
Eu tenho percebido esse fenômeno. É algo meio estranho, devo dizer. Algumas pessoas confundem problemas de relações dentro de empresas com a vontade de empreender.

Sério: uma coisa não tem nada a ver com a outra.

Ser empreendedor é querer (e muito) colocar a mão na massa. É saber que vai ralar mesmo, e que não vai dar pra dizer “ah, ninguém me pediu isso” ou “eu não sabia”, porque não vai colar – ao menos que você queira se enganar. E, grande dica: não vai dar certo.

E, eu falo isso por experiência própria: meu primeiro pensamento, quando eu percebi que boa gostava muito do mundo corporativo e dos seus esquemas, foi de que eu deveria trabalhar por conta própria.
Mas, até aí, eu não disse nada!

Não basta só essa vontade de ser “livre de chefias” para te ajudar a crescer no mundo do empreendedorismo: você precisa de garra, de paixão, de coragem.

Você precisa encontrar uma razão, uma razão pela qual você se dedica (e, até mesmo se sacrifica).

Por exemplo, eu percebi que o quê me move é a vontade de tornar o mundo um lugar mais belo.

E, hoje, trabalho no ramo da maquiagem, dos cosméticos, e através disso eu tenho certeza de que estou deixando a vida de uma centena de meninas mais bonita.

Eu acho que essa é uma das maiores dicas que posso vir a dar pra vocês: achem a razão interna de vocês, aquela que mora dentro do seu coração e te faz ter vontade de fazer mil coisas diferentes.

Isso é empreendedorismo. Infelizmente, precisamos muito mais do que um chefe babaca para nos fazer iniciar uma caminhada tão longa e densa como essa!

Beijos 🙂

Um pouco de Inspiração de Mary Kay Ash

Oi pessoal!

Como eu contei para vocês, eu sou empreendedora da área da beleza! E, apesar de estar em processo de desenvolvimento de uma loja virtual, de um site novo, e tudo mais, eu ainda sou Consultora de Vendas de algumas empresas!

Uma delas é a Mary Kay, que além de ser uma empresa fantástica, que dá milhares de oportunidades para suas consultoras, tem uma história SUPER legal!

A sua fundadora, Mary Kay Ash, que se cansou de toda dificuldade de subir de carreira em um mundo extremamente machista, lançou a Mary Kay, em 1963, com um investimento de 5 mil dólares!

“Vislumbrei uma companhia na qual qualquer mulher poderia ter tanto sucesso quanto desejasse. As portas estariam abertas às oportunidades para as mulheres que estiverem dispostas a pagar o preço e tiverem coragem para sonhar.”

Mary Kay Ash

Ela foi uma das maiores empresárias e empreendedoras da história dos Estados Unidos; e hoje sua empresa está presente em diversos países do mundo! Esse ano, inclusive, completa 15 anos de Brasil!

Quer mensagem mais empreendedora do que essa?! Mary Kay Ash foi extremamente visionária!

Quer mensagem mais empreendedora do que essa?! Mary Kay Ash foi extremamente visionária!

Com certeza, ela é uma das minhas grandes fontes de inspiração! A prova real de que quando se quer e se batalha por isso, não tem porque não acontecer!

Beijos 🙂

Dica de Livro – A Menina do Vale

Oi gente!

Queria começar o Blog dando uma dica bem legal para vocês, de algo que me inspirou bastante, e me ajudou a tomar uma série de decisões – inclusive de criar este Blog.

Acredito que o conhecimento seja algo que deve ir e vir, a todo tempo. Ou seja, ninguém detém conhecimento, ninguém é dono de sabedorias, verdades, etc. Então, a partir do momento em que você começa algo, descobre alguma coisa nova, você deve passá-la adiante.

E, a Bel Pesce fala exatamente sobre isso em seu livro “A Menina do Vale“.

Leitura mais do que indicada: necessária!

Leitura mais do que indicada: necessária!

Mas, quem é Bel? Bel é uma jovem empreededora brasileira, mas que não trabalha aqui. Ela trabalha no Vale do Silício. Tem uma empresa muito legal por lá – a Lemon Wallet.

Ela resolveu escrever este livro para passar seu conhecimento, suas experiências adianta – de forma que mais empreendedores se inspirassem!

E, o mais legal de tudo é que ela disponibilizou este livro gratuitamente na internet. O download e a distribuição são gratuitos. Ou seja, você pode baixar e enviar para todos os seus contatos que se interessam de verdade sobre o tema, ou para aqueles que precisam de “um empurrãozinho”, e por aí vai!

Vocês podem fazer o download do livro aqui.

Eu realmente indico essa leitura – ela inspira demais! Ajuda a enxergar que não existe dia, idade, hora certo, nem momento ideal para começar a empreender. Você agindo com paixão, com muita garra, você vai alcançar seus objetivos, e desenvolver seu plano.

 

Super verdade!

Super verdade!

Para mim, a parte mais bacana do livro é quando ela mostra que temos sempre que aprender com nossos erros, porque eles são super valiosos também. E, isso é muito verdadeiro! Eu aprendi muito com basicamente todos os erros que cometi na minha empresa. Feedback de clientes insatisfeitos (desde em relação à qualidade dos produtos, até mesmo aos problemas com a entrega) me deram munição para lidar com os problemas e pontos fracos do meu negócio.

Bel é um ótimo exemplo de que nada na vida vem de mãos beijadas, mas que se você tiver determinação, coragem e vontade, você com certeza vai alcançar seus objetivos!

Leitura super aprovada e indicada! Não deixem de fazer o download do livro!

Beijos 🙂